Reprodução: Itambé Agora

Por essa, Kelly Borges, repórter da Record TV, não esperava. A jornalista descobriu que estar infectada com o novo coronavírus, durante uma reportagem ao vivo no Balanço Geral Joinville, que foi ao ar na última segunda-feira, 15.

Junto com a equipe técnica, a profissional mostrava ao público como era simples fazer o ‘teste rápido’ da covid-19, disponível para a população até em terminais de ônibus. Trata-se de um exame com metodologia imunocromatográfica, que gera uma cor diferenciada após reagir quimicamente com antígeno (substância estranha ao organismo) e o anticorpo (elemento de defesa).

Kelly se submeteu ao teste para mostrar o passo a passo do exame, que colhe uma pequena amostra de sangue do dedo do paciente. Contudo, o que ela não imaginava, é que o resultado – revelado 30 minutos depois – era positivo.

O telejornal, então, não retomou o contato com a repórter depois que ela soube do resultado, e contou o desfecho da história no dia seguinte, explicando o sumiço da funcionária.

A NDTV tomou todas as providências para garantir o isolamento dela, conforme orientações dos profissionais de saúde. Desde o começo da pandemia, todas as pessoas que trabalham aqui cumprem medidas de restrição e normas”, garantiu a apresentadora Sabrina Aguiar.

Segundo o telejornal, após o resultado inesperado do exame, o cinegrafista e três outras profissionais que tiveram contato com Kelly foram submetidos ao teste, que deram negativo.

Já isolada em casa, a repórter comentou sobre o ocorrido: “[…] Quando eu sentei ali para fazer o exame, não imaginei mesmo [que testaria positivo], apesar de nós estarmos vivendo a pandemia […] Por ter tomado todos os cuidados, não imaginei que iria testar positivo”.

Confira o relato completo abaixo:

View this post on Instagram

Levantei disposta a trabalhar como todos os dias. Fiz reportagem e depois saí para os links ao vivo. Um deles era fazer um balanço da primeira semana de funcionamento do transporte público (serviço estava suspenso por causa da pandemia) Também falaríamos o balanço dos resultados dos testes rápidos que estão sendo feitos nos terminais. Mostrar como os exames são feitos. Fiz o meu e testei positivo mesmo não tendo nenhum sintoma, o chamado assintomático. Estou bem, isolada totalmente, por 7 dias, conforme a Secretaria de Saúde orientou, e orando para que não venham os sintomas. O que eu posso dizer: por mais que ninguém aguente mais ouvir sobre a Covid 19, o vírus continua circulando em abundância e de todas as formas e em todos os perfis de pessoas. Eu me cuidei, bastante, jamais pensei que lavaria ovos, bananas. Minha rotina é casa – trabalho – casa, uma vez na semana supermercado, e eu estou com o vírus. Talvez você está cansado de ouvir porque ninguém perto de você, que você ama, pegou. Torço para que não pegue mas precisamos nos cuidar, de verdade! Porque ainda assim não se tem garantias. Saúde! #balancogeraljoinville #ndtvrecordtv #covid19 #testerapido #testeipositivo #assimtomatico #vidadereporter

A post shared by Kelly Borges (@kelly.borges) on