Fonte: Sudoeste Digital

A Polícia Civil de Poções, cidade vizinha a Planalto, distante apenas 19km, sob o comando da delegada  Alessandra Cardoso, prendeu um traficante de aves silvestres e apreendeu 438 pássaros, em mais uma operação de combate ao crime ambiental na região Sudoeste.

A ação aconteceu na tarde desta segunda-feira, 26, em atenção a uma denúncia anônima de venda de pássaros silvestres. o nome do preso não foi informado.

Após investigações, foi constatado que o conduzido integra uma quadrilha  dos estados de Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo, que vende e compra pássaros silvestres. Foi lavrado auto de prisão em flagrante delito e os pássaros foram entregues ao Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema).

De acordo com a delegada, as aves eram mantidas em cativeiro, em uma residência, em Poções. A delegada destacou que sua equipe diligenciou e capturou o envolvido em flagrante delito, também apreendendo espécies, dentre as quais azulão , papa-capim, pássaro-preto, sofrê, canário-da-terra, cardeal, tico-tico, cristinha, trinca-ferro, além de apetrechos de caça profissional.